Quarta-feira, 25 de Maio de 2022

Cidade

Novos caminhos para a Sericicultura em Mandaguaçu

Quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Última Modificação: // | Visualizada 722 vezes


Ouvir matéria

Com os olhos voltados para o futuro da Sericicultura, o município de Mandaguaçu , através do Departamento de Agricultura e Meio Ambiente do município, foi anfitriã da reunião da Câmara Técnica Estadual da Cadeia Produtiva da Seda, nesta quinta feira, 28 de novembro. A reunião aconteceu na Câmara Municipal de Mandaguaçu com o objetivo de preparar o 33º Encontro de Sericicultura para Julho de 2014. Estiveram presentes o gerente Emater ,Osvaldo de Silva Padua, o Diretor do Departamento da Agricultura e Meio Ambiente de Mandaguaçu, João Aparecido Saes, (Cidinho Saes), representante da Bratac S.A., Flávio Massayuki Taniguchi Engenheiro Eletricista, representante da Seab, André Lopes, representante da Iapar, Rui Iamaoka, presidente da Câmara Municipal de Mandaguaçu vereador Guga Saes, vereadora Rosane Dias Dourado Sanches, e demais autoridades.

 

Sericicultura

 

O Paraná é o maior produtor brasileiro de casulos verdes, responsável por 92,17% de toda produção do país. Em função disso, é uma atividade economicamente viável, socialmente justa e ambientalmente correta, que contribui para a permanência do homem no campo. A sericicultura é uma atividade que contribui para a rentabilidade da agricultura familiar desde 1969, diversificando as pequenas e médias propriedades rurais.

Fonte: Assessoria de Comunicação

 Galeria de Fotos

 Veja Também