Sexta-feira, 28 de Fevereiro de 2020

ÚLTIMAS NOTÍCIAS /

Agência do Trabalhador realiza balanço das atividades do último ano

Quarta-feira, 05 de fevereiro de 2020

Visualizada 318 vezes

Confira abaixo o relatório das atividades de 2019


Ao todo, 460 trabalhadores tiveram a carteira profissional assinada em 2019 em Mandaguaçu. Isso porque a Agência do Trabalhador do município tem conseguido, mesmo em período de crise econômica, se destacar na captação de ofertas de vagas. “A quantidade de colocação de trabalhadores no mercado local pela nossa agência é um histórico que se repete nos últimos sete anos, com foco na promoção do desenvolvimento local e inclusão social pelo trabalho”, afirma o Gerente da Agência do Trabalhador, Aucenir Gouveia.

Desempregada há mais de um ano, Bruna Pizzolin (25) conta que foi através da Agência do Trabalhador que conquistou um emprego na área de cobranças em 2019. “Eu ia até a Agência pela manhã e a tarde, encontrei três vagas, mas me identifiquei mais com a qual estou atuando agora. Foi maravilhoso voltar a trabalhar, o mercado de trabalho está tão concorrido que, estar empregada nos dias de hoje e com carteira assinada, é uma dádiva”, comemora Bruna.

De acordo com o relatório enviado a Prefeitura no último dia 30: das 472 vagas geradas, apenas 12 não foram preenchidas. “Isso se deve a alguns fatores, como o cancelamento da vaga pela empresa ou o não aproveitamento dos candidatos encaminhados para a seleção”, explica Gouveia.

Para o Prefeito Professor Índio, os altos índices de ações na Agência do Trabalhador são reflexo do compromisso da administração pública com a população de Mandaguaçu associada tanto a atuação quanto a dedicação também da equipe de profissionais que atua junto à população.

Entre as principais atividades realizadas ao longo do último ano, somam-se: 12.179 atendimentos ao usuário; 1.671 seguros desemprego habilitados; 1.200 atendimentos com emissão do RG (Registro Geral); 868 carteiras de trabalho foram confeccionadas e 619 certificados da Junta Militar foram confeccionados. “Absorvemos os serviços de confecção de RG e certificado da Junta Militar porque esse público nos interessa e muito, pois são trabalhadores ou filhos de trabalhadores que estão em busca da organização da documentação para a busca da primeira oportunidade de trabalho”, afirma o Gerente da Agência do Trabalhador.

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias